Carlos Drummond de Andrade

Amar o perdido deixa confundido este coração. Nada pode o olvido contra o sem sentido apelo do Não As coisas tangíveis tornaram-se inesquecíveis à palma da mão. Mas as coisas findas, muito mais que lindas, essas ficarão. Carlos Drummond de Andrade, Memória ( Textos Selecionados, Literatura Comentada, Nova Cultural) Marii Freire Pereira VEM comigo Santarém,Continuar lendo “Carlos Drummond de Andrade”

Shakespeare

Em homenagem aos 400 anos de Shakespeare, irei fazer uma breve homenagem a esse gênio que nos faz emocionar sempre pela consciência que desperta. Aqui falo não só acerca de seus poemas, sonetos, peças, etc. Mas, também pela forma em que tratou as temáticas humanas de um jeito fiel. Shakespeare abre um diálogo que nosContinuar lendo “Shakespeare”