Nasce o Sol, e não dura mais que um dia,

Depois da Luz se segue a noite escura, Em continuar tristezas a alegria Porém, se acaba o Sol, por que nascia? Se é tão formosa a Luz, por que não dura? Como a beleza assim se transfigura? Como o gosto da pena assim se fina? Mas no Sol, e na Luz falte a firmeza, NaContinuar lendo “Nasce o Sol, e não dura mais que um dia,”

Somos aquilo que amamos

Somos a essência da essência Pensamentos despidos, Poesia pensada Pôr do sol no final de tarde. Somos casa que hospeda bons sentimentos, Saudade que trás lembranças raras […] O ser humano é essa coisa que ele inventa, e entrega ao outro na busca de ser acolhido, de ser recepcionado num tempo de delicadeza. Quisera umContinuar lendo “Somos aquilo que amamos”

Amor incondicional

Como disse o Gregório de Matos: ” Sois Anjo, que me tenta” Eu prefiro acrescentar um novo final a frase dele:” Sois Anjo que me atenta….e Guarda.” O Gregório se sentia tentado pelo amor de uma mulher ( D. Ângela). Eu pela literatura, por ela conseguir despertar em mim, como mulher o sentimento cru. DigamosContinuar lendo “Amor incondicional”

Queixa

Um amor assim delicado Você pega e despreza Não devia ter desprezado ajoelha e não reza dessa coisa que mete medo Pela sua grandeza Não sou o único culpado Disso eu tenho certeza Princesa Surpresa Você me arrasou. ……………………….. (Caetano Veloso. Warner Chappell Edições Musicais) A ” Queixa ” de Caetano é também um exemploContinuar lendo “Queixa”