Leonard Cohen

“Como um pássaro no fio,

Como um bêbado num coral da meia-noite

Tenho tentado do meu jeito ser livre

Como uma minhoca no anzol,

Como um cavaleiro de algum livro ultrapassado

Eu tenho salvo todas as minhas rédeas por vós

E se eu, se eu tenho sido desagradável

Espero que você deixe passar

E se eu, se eu tenho sido falso

Espero que você saiba que eu nunca fui isto com você…”

Leonard Cohen. ( Bird On The Wire), Pássaro no Fio

https://m.letras.mus.br

Marii Freire Pereira

VEM comigo!

Imagem: rollingstone.uol.com.br

Santarém, Pá 20 de junho de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

8 comentários em “Leonard Cohen

      1. Não sabe o quanto fico feliz em saber que gostas de Leonard. Eu gosto bastante. Há momentos em suas canções em que é quase possível ouvi -lo sussurrar (…) Isso para um ouvido apurado é quase poesia.

        Grata!!

        Curtir

      2. Tenho todos os seus discos e suas canções são cotidianas em minha vida. Fico eu feliz em ler tuas palavras. Olha, tem uma passagem dele incrível: em 1970 no Festival da Ilha de Wight, rock puro, ele faria sua apresentação em um ambiente completamente hostil, tendo sido aconselhado a não se apresentar. Ele não apenas enfrentou o público com seu jeito terno e sensível como conquistou a todos. Tenho o cd/dvd, é emocionante. Abraço carinhoso.

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: