Desistir? Não seja humilde.

É bem verdade que a realidade, vez por outra , tenta nos intimidar. Mas, não deixe que a razão dos últimos acontecimentos possa interferir numa realidade que ainda pode ser modificada, a sua. No lugar da palavra desistência, procure por existência. Existência daquilo que só você pode construir_ fazer acontecer com exatidão.

Nenhuma realidade pode ser modificada, sem o abandono daquilo que foi eventual em nossas vidas. Abandone ou procure deixar de lado, os pensamentos de solidão. Entenda uma coisa. Só devemos ter medo daquilo que não vemos. Mas, o que se consegue mentalizar, ou seja, agregar alguma informação, então esse detalhe serve para que tenhamos a capacidade de nos tornarmos seres mais conscientes.

Eu diria que é até muito comum se ouvir frases como por exemplo, ” minha vida acabou” , ” chega”. É a expressão de quem se desespera. Mas, desespero não é momento de agir. É momento para refletir, para procurar compreender o porquê da vida está sendo restringida ali, digo naquela situação em si. Não é o todo, porque a vida é construída a cada instante. E muitas pessoas entregam os pontos assim, nesses momentos em que a vida pede mais. Quer desistir? Olhe para o que te favorece hoje, agora. Olhe para trás, veja quanto caminho você já foi capaz de percorrer. Entende? Nada pode interferir ou modificar o que você já viveu. São as suas experiências, suas bagagens. Tem muito e isso te atrapalha um pouco? lance mão de algumas. Às vezes, para darmos um passo à frente, é necessário tirarmos o peso que nos puxa para trás.

Deixe de ter compaixão de si, de lamber as próprias feridas. Provoque a sua mente. Vamos, seja ousado ( a). Não olhe os defeitos, substitua- os por vontades. O imaginário humano está repleto disso. O longínquo, você pode alcança, se claro- não afogar os olhos no raso.

Coragem! Pegue as suas fragilidades, a sua insegurança, as incertezas, a estupidez, ou em outros casos, até a sua falta de incoerência, e assuma o risco de ir mais longe.

[…]

Vá! Vá sem medo. Ninguém perde nada por tentar, pelo contrário, se agrega conhecimento.

Diante do caos da vida, se comporte como um ser humano, não como alguém que precisa ter todas as respostas ou oferecer isso a alguém. Todos nós aprendemos. Alguns com mais facilidade, outros através de provas mais duras. Todavia, aprendemos, e para aquilo que [ ainda], não se tem resposta, devemos buscá-la.

Marii Freire Pereira

Imagem: Instagram

Santarém, Pá 19 de abril de abril de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

2 comentários em “Desistir? Não seja humilde.

    1. Quem olhar para trás e não tiver coragem de seguir adiante!..
      Hoje conversei com com uma pessoa que parecia querer desistir da vida. Então, a partir disso ” olhando por dentro desse espelho “, ou seja, tentando interpretar o porquê de tal postura que , inclusive me incomodou, pude escrever esse texto.

      Um abraço Quijotte!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: