Mário de Andrade

” O que que vêm fazer pelos meus olhos tantos barcos

Lenços rompendo adeuses presentinhos

Charangas na terra- roxa das estações um grito

Um grito não gruto

Que me faz esquecer a miséria do mundo pão pão…”

Mário de Andrade. O Carro da Miséria.

Mário de Andrade. Textos publicados sob licença de Carlos Augusto de Andrade Camargo. Editora Nova Cultural. São Paulo. 1990

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem ( Arquivo pessoal)

Santarém, Pa 6 de novembro de 2021

Mário de Andrade.

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

%d blogueiros gostam disto: