Murilo Mendes

” […] penso que todos os homens possuem o germe da poesia, Nem todos, porém, sabem ou podem comunicar a poesia em forma persuasiva. A missão particular do poeta consiste em desvendar o território da poesia, nomeando as coisas criadas e imaginadas, instalando-as no espaço da linguagem, conferindo-lhes uma dimensão nova.

Além de recorrer ao seu tesouro pessoal, à sua vivência, o poeta se inspira no inconsciente coletivo, rico em símbolos, imagens e mitos. Da linguagem universal extrai a sua linguagem específica. A linguagem, ao mesmo tempo que informa o poeta, revela-lhe sua fisionomia pessoal.

Resumindo, pode-se dizer que a operação poética é baseada em linguagem, afetividade e engenho construtivo. O poeta escreverá, portanto, para manifestar suas constelações próprias. “

Murilo Mendes, em ‘ artigo ‘ publicado no Suplemento Dominical do jornal do Brasil, de 25 de julho de 1959.

https://www.elfikurten.com.br

Marii Freire Pereira

https://Pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem:

https://elfikurten.com.br/ Google

Santarém, Pá 12 de Agosto de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

2 comentários em “Murilo Mendes

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: