Des-falecer

Quando a vida trouxer um enredo de indiferenças pra você, aprenda a desconfiar do que ela quer te dizer. Não olhe para as dificuldades, para as dores como uma posição definitiva. Eu sei, às vezes isso parecer ser o único caminho. Mas, deixa te dizer uma coisa: ” é um erro seu focar só nos excessos “.

Não enfrente a vida com tanta frieza. Você deve sim, buscar um espaço para discussão dentro de si, mas também procure buscar uma saída de maneira criativa. Redirecione as suas expectativas rumo a novas descobertas. Você sabe o que não faz sentido? É Você deixar de acreditar. Aceite uma verdade ” não vale a pena”. A gente tem que ter esse olhar sobre a vida, sobre si, e não esperar que as coisas mudem sem ir lá e modificar o que é preciso.

Crescer ou morrer, nos custa muito. Mas, isso é você quem escolhe. Precisamos ser resistentes para enfrentar as adversidades da vida. Estas, definitivamente, não podem nos engolir, a não se que a gente deixe. Quer um conselho? Enfrente. Seja essa pessoa capaz de criar novas alternativas para revolucionar o que deseja. Procure melhorar como pessoa. Se as coisas estão dando errado, trabalhe nas falhas, só não desista. Não deixe de acreditar nas coisas boas, não perca o gosto de viver porque o modo de como os outros seres humanos, digo as pessoas se mostram, muitas vezes causa uma impressão ruim. Veja, quando isso acontece, a falta não é sua. Alguém mentiu pra você? Eu sei, isso cria uma situação desconfortável entre você e a pessoa. Porém, veja pelo lado bom, o engano também é uma nova forma de [re]começo. Há situações em que a partir disso, nos tornamos mais atentas, seletivas também, porque diante das dificuldades, a gente passa a fazer uma leitura do caráter das pessoas, de como são, da maneira de como agem. É como eu disse, você tem muito mais possibilidades de entender o outro conhecendo, porque aí, se comete menos equívocos. É vivenciando que se aprende, infelizmente.

Algumas pessoas são mais ousadas em nos mostrar como aprender. Mas, cabe a nós sobreviver a esses ensinamentos. Quantos a vida te der muitos motivos para desistir, faça o contrário: recomece. Despreze tudo aquilo que não pode ser modificado. Reaprenda a andar, sorrir pelas coisas bobas, ouvir aquela música que faz bem. Assim, você aprende que muitas vezes, só é necessário mudar o ritmo, a intensidade com que vemos as coisas. Não mudemos o mundo ou as pessoas, mas a nós mesmos.

Pense nisso!..

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo

Imagem: Pinterest. Unsplash

Santarém, Pá 20 de janeiro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

2 comentários em “Des-falecer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: