Flor de Aguapé

” Tapajós dos moleques, brincar de pira e mergulhar

Das lavadeiras negras que se juntaram pra conversar

Rio das meninas moças que cantam flores de aguapé

E reclamam do boto porque?

Vira rapaz bonito e engana mulher.

Tua lua é mais acesa e de madrugada se enche de luz

Temos a mesma sorte nascer no norte que é nosso lugar

” Juro que poesia não vai faltar”.

Walmir Pacheco. Flor de Aguapé.

Vozescaboclas.blogspot.com

Essa canção é uma “menina nortista, linda”, cheia de significados e representa bem o que é o Pará. Fala de uma vida simples. De acontecimentos típicos desse lugar, que além do povo, tem uma cultura riquíssima, paisagens lindas, além de uma infinidade de coisas. Para quem gosta de natureza, Santarém, no Estado do Pará é um atrativo à parte.

” Tua lua é mais acesa e de madrugada se enche e luz…”. Tem essa coisa da magia, descritas nas lendas. O ” boto ” que encanta as caboclas, namoro na beira da praia. Na verdade, se percebe traços regionais, revestidos de singularidade.

Um encanto!..

O Pará, é lindo! Rico em diversidade. Alter do Chão‘ é uma referência da beleza local. E a canção resume essa simplicidade aliada a beleza como já dito, e a forma de viver do caboclo.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagens: Emi Okada Pereira

Santarém, Pá 29 de outubro de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

2 comentários em “Flor de Aguapé

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: