Chico Buarque

” Lá não tem brisa

Não tem verde- azuis

Não tem frescura nem atrevimento

Lá não figura no mapa

No avesso da montanha, é labirinto

É conta- senha, é cara a tapa

Fala, Penha

Fala, Irajá

Fala, Olaria

Fala, Acari, Vigário Geral

Fala, Piedade

Casas de pó, cidade

Que não se pinta

Que é sem vaidade

Vai, faz ouvir os acordes do choro- canção

Traz as cabrochas e a roda de samba

Dança teu funk, o rock, forró, pagode, reggae

Teu hip- hip

Fala na língua do rap

Desbanca a outra

A tal que abusa

De ser tão maravilhosa…”

Chico Buarque, Subúrbio.

https://m.letras.mus.br

Marii Freire Pereira

VEM comigo!

Imagem: Álbum de Chico Buarque/ Carioca.

Google

Santarém, Pá 8 de maio de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: