O par perfeito

Muitas pessoas procuram alguém especial que as preencham em todos sentidos. Mas , muitas esquecem que não existe a pessoa perfeita. Aliás, a construção da idéia de pessoa perfeita nasce a partir da junção de valores de duas pessoas que desejam ficarem juntas.

É confortável a idéia de que um dia, vai-se descobrir aquele alguém que espontaneamente, irá corresponder a uma lista de exigências criada em nossa mente a partir de tudo o que nos foi ensinado sobre relação a dois. Começando, inclusive por você sorrir e apertar a mão da pessoa que lhe desperta interesse.

Bem, sorrir a gente sempre pode. Todavia, entusiasmo de menos. Vamos limitar algumas coisas. Primeiro:

. O que nos liga um ao outro é a questão da humanidade.

. A procura por alguém com valores igual ao seu

. Você tem que se amar, antes de amar o outro

. Não existe ninguém perfeito.

As relações, elas só conseguem ter sucesso, se construirmos bases sólidas. É como em qualquer construção. A base tem que ser boa o suficiente para sustentar a estrutura do está em cima. Portanto, essa idéia de que exista a pessoa certa. Não, definitivamente,dessa idéia não prevalece. Embora, se cultive no imaginário, como forma de fantasia o outro ser. É mais uma espécie de estímulo imaginação, tanto que o inconsciente torna-se alimentado por idéias mirabolantes. Pensamentos, inclusive que fazem com que muitas pessoas fiquem cegas por acreditar num monte de bobagens e esquecem se viver a vida, ou seja, deixam de viver até um relacionamento bacana por conta de ficar tentando encontrar qualidades aonde não existe.

Ah!, mas a pessoa certa vem quando a gente menos espera!‘ Não, no máximo você irá encontrar alguém especial que vai fazer com que você também se sinta especial. Uma pessoa que [apesar], dos conflitos vai ter respeitar em relação a muitas coisas. Alguém que irá valorizar você pelo o que acredita, pelo valor que você representa para ela. A necessidade de aceitação também é um fator importante porque você consegue se encaixar nas necessidades do outro, naquela coisa da troca e recompensa.

Uma relação, ela sempre é composta por muitos conflitos, mas também é composta pelas inúmeras oportunidades de se refazer […]

Sem dúvida, essa é uma atitude bonita entre os casais.

Não pense que no amor, o parceiro é aquele ser perfeito. Não, a relação torna-se perfeita, a mefida em que o casal cria mecanismos que contribuem para tal ” perfeição “. Nem todas as decisões poderão ser harmônicas, mas certamente haverá necessidade de consenso entre as partes, portanto, é bom ficar atento a isto. E o que considero a questão primordial dentro de toda essa construção de amor, de casal. O amor é um sentimento simples. Nada, absolutamente nada, nada mesmo do que se ouve por aí, funciona se duas pessoas não estiverem dispostas a abrir mão, muitas vezes, de pequenos detalhes numa relação para que ela ser verdadeira.

Ame, mas não ame a idéia de perfeição que você faz a respeito de uma pessoa. A ame a partir daquilo que ela representa para você, ou seja, do que transmite de bom, de bonito, o que de alguma forma, representa alho especial, belo o que te causa fascínio.

Imagem: Paris Romance”

Texto: Marii Freire Pereira

Santarém, 17 de fevereiro de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

Um comentário em “O par perfeito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: