Poema

Um bom poema é aquele que faz a gente se entregar sem nada exigir.

Se há esforço para o entendê-lo,

É sinal de que a sua forma conflitante

Não o permite ser compreendio.

O conflito é uma oposição entre os elementos de sua criação e aquilo que possibilita o essencial – o despertar do leitor.

Se é um texto que exige mais atenção,

É preciso então que o leitor

Mergulhe na alma de quem o escreveu.

Um bom poema é como um grande teatro:

– exige um bom cenário, luz, música, gestos e movimentos.

E a coisa mais importante para os olhos da plateia: Clareza. Dentre todas as sombras, o personagem principal deve fazer a plateia suspirar!

Longe, lá no fundo,

O eco, gritos e aplausos devem sair da consciência da penumbra…deslumbrada.

Compreendeu?

A clareza é a maior evolução de um poema.

A mensagem sempre precisa ser- clara!

Um bom poema é como sede que aperta a garganta: a água deve descer suave por seus labirintos.

Porque nada é mais agradável ao paladar

Do que a palavra degustada na grandeza do silêncio,

Nos detalhes criativos,

Na imaginação de quem

toma para si mesmo

O amor

A vida

O instante

Uma queixa abafada

Uma memória traduzida num pedaço de papel…

Quem folheia um livro

Se encanta pela “loucura do agoniado”.

Há poemas ousados

Há poemas clássicos

Os que falam de lutas, revolução e amor.

Cada autor encontra uma fuga para a sua realidade.

Quem escreve, conta algo!

Recria memórias,

Alimenta sonhos,

Esperança,

Sentencia um fato,

Faz cair uma lágrima do olhar…

Reinventa o que precisa ganhar um novo significado.

A tradução da ideia de um autor nunca é fria,

Nunca é morna,

E nunca é muda

Ela pode ser composta por fantasias,

Ter traços irônicos,

Ser romântica

Crítica ou debochada.

A poesia não deseja nada menos que isso: a paixão extraordinária de quem a imagina.

A paixão que é transmitida,

Na sua totalidade,

No seu momento!

Marii Freire. Poema

https://Pensamentos.me/VEM comigo!

Imagem: pinterest/ Yama- bato.tumblr.com

Santarém, Pá 29 de agosto de 2022

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós- graduada em Direito Penal e Processo Penal.

Um comentário em “Poema

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: