Marii Freire Pereira

“…ninguém respeita a Constituição” e nesse desenrolar se pergunta ” Que País é esse?” Não se respeita por inúmeros motivos. Desta forma, se perde de vista o contexto das necessidades específicas das pessoas, as experiências de cada grupo social, bem como uma série de situações. Aí temos a questão da exclusão, discriminação, capitalismo, colonialismo, sim! E acredite, do patriarcado também…
Então, se torna injusto lançar tantas declarações negativas sobre o direito e até mesmo sobre a Justiça de nosso país. As decisões julgadas, na sua maioria tem o aval de interesses ligados ao particular, não são muito lá “juridicas” vamos dizer assim. O interesse do povo, sempre é um direito controlado. Este, sempre acaba sendo avaliado pelas classes que detém o poder. Na verdade, estas atendem interesses que nem sempre condiz com o direito em questão da população, ou seja, nem sempre atende as necessidades do que pede a atualidade política por exemplo. Por sua vez, a população na sua maioria, não compreende essa questão, e com isso diz que a nossa Justiça ” é falha”. Não é? Nem sempre. Alguns avanços, simplesmente não acontecem, porque os interesses de algumas classes sempre prevaleceram sobre privilégios históricos. A partir disso, os nossos ganhos, na sua maioria são de médio a longo prazo e, com muita luta.

Marii Freire Pereira.

https://Pensamentos.me/VEM comigo!

Imagem: pinterest/VEM comigo!

Santarém, Pá 3 de maio de 2022

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós- graduada em Direito Penal e Processo Penal.

4 comentários em “Marii Freire Pereira

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: