Leitura como um ato prazeroso

A leitura é capaz de emancipar as suas nossas possibilidades; ela faz a conexão necessária entre você e o mundo, oferecendo liberdade diante do processo contínuo de pensar, e ao mesmo tempo, possibilita a ideia de Justiça e paz. A leitura tem um espírito livre, porque além da satisfação que trás, também é possível dizer que mais do que prazeroso, o ato de ler colabora para o sentimento de dever cumprido.

Uma boa leitura é capaz de fazer um mundo de transformação entre vida e perdas. Mas, também é possível dizer que ela rompe as coisas que bloqueiam a nossa capacidade de pensar, assim como, amplia a nossa imensa possibilita de fluir em plenitude nesse imenso universo chamado vida.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: pinterest/ vbshlom.tumblr.com

Santarém, Pa 31 de outubro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

9 comentários em “Leitura como um ato prazeroso

  1. Republicou isso em Ned Hamson's Second Line View of the Newse comentado:

    Vivaldi translation: Reading as a pleasurable act
    Reading is capable of emancipating your possibilities; it makes the necessary connection between you and the world, offering freedom in the face of the continuous process of thinking, and at the same time, enables the idea of Justice and peace. Reading has a free spirit, because in addition to the satisfaction it brings, it is also possible to say that more than pleasurable, the act of reading contributes to the feeling of accomplishment.

    A good reading is capable of making a world of transformation between life and losses. But, it is also possible to say that it breaks the things that block our ability to think, as well as, it expands our immense possibility of flowing fully into this immense universe called life.

    Marii Freire Pereira

    Curtido por 1 pessoa

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: