É importante saber sentir as coisas boas para ter consciência do nosso valor

Vale a pena um instante, vale a pena a beleza de um segundo. O mundo multiplica coisas boas pelo que se permite construir. O ato de criar e multiplicar as nossas grandezas, impulsionar a excelência do que somos e oferecemos ao outro.

O que não regamos, transforma-se em abandono. O silêncio é composto por projetos inacabados, não aproveitados…rejeitados talvez. Choca deixar morrer o que não dizemos, assim como nos mata também o que dizemos sem pensar.

O impulso do passado, presente e futuro chama-se transformação. É através de uma nova consciência que somos capazes de potencializa a vida em suas diferentes formas. A sabedoria cotidiana tem por finalidade neutralizar o estresse do inútil, e ao mesmo tempo, aplica o que impulsiona a vida, modifica, transforma e acelera o seu ritmo. Já imaginou que monótono seria uma vivermos engessados se fossemos somente plateia? Não, é preciso viver, enxergar a suavidade e a escuridão para se passar etapa seguinte, que é deixar aflorar o sorriso, o ato de sermos gratos genuinamente todos os dias.

A vida é uma revolução. Há momentos que estamos bem, e há momentos em que estamos com os nervos à flor da pele, não se pode construir, nem estabelecer contato saudável com as outras pessoas quando vivemos momentos de instabilidade. Na verdade, não é possível construir nada significativo pra nós e para ninguémem situações tensas. Mas, a grandeza humana dar-se sempre pela consciência. É através dela que somos capazes de nos comportar como imortais inacabados. Ora, você deve estranhar essa colocação. Mas, eu quero simplesmente dizer, que uma vez inacabados, estamos sempre em processo de adaptação e melhorando diante deles.

Sendo assim, é importante considerar que, somente através da consciência e maturidade, é possível se descobrir o valor da preciosidade da vida. Autocomiseração e ressentimentos de fatos que provocam sensação de fracasso, revemam o que há de pior no ser humano. Portanto, não desperdicemos energias negativas com o que não nutre sensações boas em nós. Ao contrário, busquemos encontrar beleza nos pequenos detalhes, pois todo resto é incompleto. Por isso, há uma necessidade de sempre se buscar melhorar.

Não há razão para buscar o sofrimento, mas a gratidão que de modo simples, fortalece o emocional diante de todas as contrariedades da vida. Quantas vezes, não nos tornamos gratos até a um pingo d’água que cria formas imaginária sobre qualquer superfície , e que numa simplicidade espantosa, causa encanto?A riqueza do mundo não se encontra no muito, mas no equilíbrio entre aquilo que revela uma certa contrariedade, e a nossa paz. Quando as coisas do lado de fora parecem desmoronar, mas as do lado de dentro, a gente consegue manter uma certa comunicação, ou seja, existe diálogo saudável, então,,,superamos o improvável alcançamos a paz.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo

Imagens: pinterest/ Angi/ tersessenta,também.com

Santarém, Pa 15 de outubro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

5 comentários em “É importante saber sentir as coisas boas para ter consciência do nosso valor

  1. Republicou isso em Ned Hamson's Second Line View of the Newse comentado:

    Vivaldi translation of title and first statement: It is important to know how to feel the good things to be aware of our value
    It’s worth a moment, it’s worth the beauty of a second. The world multiplies good things by what is allowed to be built. The act of creating and multiplying our greatness, boosting the excellence of what we are and offering to others.

    Curtido por 2 pessoas

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: