7 de setembro 2021

Hoje, terça-feira, 7 de setembro de 2021, comemora-se 199° ano da Independência do Brasil. Essa também é uma data especial, não só para se comemorar, mas para que sejamos capazes de refletir sobre esse momento singular que vive o país.

O 7 de setembro nos direciona a muitos aspectos, ele não serve só para dedicar o amor a pátria. Mais que isso, essa data nos sugere uma releitura sobre os fenômeno sociais políticos; sobre o que a sociedade enfrenta, a situação atual do país, e que traz a lume, por exemplo, a inviabilidade de avancos. Ora, o que estamos vendo é um país decrescer em diferentes aspectos. O modelo de governo atual tem revelando que o Brasil perde em posição para muitos outros países. Quer um exemplo de uma questão simples, porém, extremamente importanteaos aos brasileiros? A vacina.

Com o surgimentoda Pandemia, todos nós tivemos que aprender a nos readaptar ao modo de vida do planeta. A realidade que a Covid-19 trouxe, foi a experiência de readaptação ao modelo de vida que levávamos, algo que precisou de alguns ajustes para continuarmos aqui. Claro, alguns se foram […] A maioria não. E, restou a esperança pela chegada da vacina. Somente esta, era o fator mais importante para o bem-estar de todos. O que vimos? Vimos outros países avançando na vacinação, enquanto o Brasil era palco de discussões que não chegava a lugar nenhum.

O foco era a saúde das pessoas. Apenas país avançados, como o Reino Unido, Canada, Estados Unidos, tiveram esse privilégio. E quanto ao Brasil? O Brasil ficou de fora. Infelizmente, é preciso dizer que interesses políticos, na maioria das vezes, estão acima do que assegura a Constituição Federal. A saúde, certamente, é um direito de todos. Porém, se avança nessa questão quando há um compromentimento com os direitos das pessoas.

Agora, o país também vive outros problemas que vão além dessa questão. Estamos decrescendo em muitos aspectos. Mas, é preciso lembrar também que muitos percalços que temos, não nasceram sob a perspectiva do governo atual, mas seguem uma série de limitações, vindas de exemplos de outros governos, o que acumula um saldo negativa a população.

Todavia, há uma coisa que ninguém pode negar, nem apagar da memória dos brasileiros, que é muito além de problemas políticos e economicos, saúde e educação, dentre outros, e que envolvem questões por exemplo, historico-estrutural, estão aí a décadas. Então, nós precisamos digamos assim, “ter esse olhar ligado ao passado”, e considerar aquilo que acho fundamental que é, não esquecer os dos problemas que tem relação com as nossas próprias raízes, digo com a herança o regime colonial.

Que nesse 7 de setembro, tenhamos amor a pátria, mas não esqueçamos de considerar a nossa história. Convenhamos, a intelectualidade do brasileiro tem que ir além de compartilhar notícias falsas, memes, e frases de efeito. Nós, precisamos reunir pensamentos que sejam capazes de conter essa característica da transformação. O Brasil se traduz muito em gestos ( imagem gestual). Não gosto de algo, ofereço-lhe “o dedo do meio”. Mas, o fundamental que é justamente, uma análise crítica, algo que faz as pessoas enxergarem mais do que certos ” fantasmas”, coisas que a sociologia, a psicologia nos sugere, e deixou também como ” diferenciado” – nos força a reflexão. Isso é bom porque nos faz buscar a resposta, ao invés de a desejar. O imprescindível e necessário hoje é a interpretação da realidade brasileira, nesse quesito… precisamos avançar.

Feliz 7 de setembro a todos!

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem ( Arquivo pessoal)

Santarém, Pá 7 de setembro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

8 comentários em “7 de setembro 2021

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: