Caetano Veloso

Eu vi o menino correndo

Eu vi o tempo brincando ao redor

Do caminho daquele menino

Eu pus os meus pés no riacho

E acho que nunca tirei

Sol ainda brilha na estrada e eu nunca passei

Eu vi a mulher preparando outra pessoa

O tempo parou pra eu olhar para aquela barriga

A vida é amiga da arte

É parte que o sol me ensinou

O sol que atravessa estrada que passou…”

Caetano Veloso. Força Estranha.

Fonte: m.letras.mus.br

Marii Freire Pereira

https://Pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: pinterest. laosless

Santarém, Pá 1 de Junho de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

Um comentário em “Caetano Veloso

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: