Seja fiel a ti mesmo e jamais serás falso com ninguém

Essa é uma frase de William Shakespeare em Hamlet, e que nos sugere algo muito interessante que é o fato de se conseguir ser fiel a si mesmo, aos valores que correspondem quem você é. Se por acaso, conseguires essa proeza, não terás problemas com nenhum diagnóstico que alguém faça a seu respeito, porque se conhecendo, você se respeita; uma vez se respeitando, você conseguirá ser autêntico com as outras pessoas com quem mantém algum tipo de vínculo afetivo ou não.

” Ser fiel a si mesmo é conseguir ser autêntico diante de nossos valores “

É comum fazermos amizade, sem criar vínculos ou qualquer outra experiência que nos leve a concretizar de forma profunda e genuína as nossas atitudes para com o outro. Ora, eu diria que no meio em que vivemos, é natural se fazer amizades por interesses, por negócios, por não gostar da solidão, e diversos outros motivos. Mas, amizade superficial, particularmente, eu compreendendo que está não é boa. É preciso mais, é preciso criar algum tipo de vínculo aonde seja possível interagir de forma saudável com as outras pessoas, porque em momentos difíceis, é possível que nos agarremos à elas. Na hora da dor, as pessoas se tornam mais solidárias, sim a dor nos torna mais humanos. E nisso é que tá o lado bonito da vida.

É bom conhecer pessoas, é interessante conversar, interagir, conhecer um pouco de suas histórias, bem como acrescentar a nossa. Talvez, o grande erro do ser humano seja fazer comparações, o que é um erro.

A gente observa muito que dentro dessa coisa de fazer comparações, na verdade, as pessoas costumam depreciar as suas qualidades, algo como querer buscar no outro aquilo que falta nelas. É algo injusto porque há dias em que você amanhece bem, chega diante do espelho e diz ” Hoje estou bem!”. É ou não é? Sai sorridente cumprimentando a todos. Mas se acordou achando que o universo não está sendo leal a você, simplesmente, olha para para si e faz aquela cara ruim ou olha para o vizinho e trocar cumprimentos ofensivos, nem que estes, sejam mentalmente. Ora, não é uma bobagem? A quem eu engano agindo assim? Certamente, eu. Como? Esquecendo de quem eu sou, dos princípios, valores e virtudes que trato com tanto zelo. Sim, é preciso consciência nessas horas.Portanto, aqui vale o dito ” seja fiel a ti mesmo e não serás falso com ninguém “.

A sociedade nos ensina a criar uma “crosta” para nos proteger e sermos felizes. Tudo bem, essa ” casca” pode ter lá o seu valor. Agora, não podemos nos esquecer de quem somos. A gente não precisa do outro para ser feliz, ou para ser aprovado em nada. Só precisamos de nós, de agir com cautela e paciência para saber que algumas coisas podemos mudar, já outras, não. É possível eu gostar só da minha companhia, também é possível ser feliz sozinho e tudo mais. Todavia, o contato com o outro, a amizade quando verdadeira, cria vínculos fraternais muito forte. Isso é natural. Influência de forma positiva inclusive, nas nossas boas ações. E é possível escolher fazer o melhor independentemente do que seja. Se eu sou uma pessoa autêntica, serei assim em qualquer ocasião ou companhia. O meu caráter não se modificar diante de nada. Uma ” companhia boa”, é sempre uma boa companhia.

É bom ter a certeza de que estamos bem acompanhados. Pessoas verdadeiras podem funcionar como guias. Sabe aquela plantinha que precisa de um apoio enquanto pequena? Pois bem, assim são algumas pessoas em nossas vidas, elas funcionam como antídoto para a solidão. Elas contam histórias, nos fazem gargalhar juntos., mostram o caminho que se torna mais fácil aos nossos passos. Existe gente assim. Mas também tem aquelas que nos suga todas as energias. E aí, é preciso entender que a melhor companhia é a sua. Eu posso ser fiel a mim mesmo na solidão e gostar da minha solitude. Aliás, ela é necessária que eu possa compreender o real processo da vida. Ainda que solitários, isso não nos impede de sermos recíprocos com nos mesmos, ou de sermos felizes com a forma autêntica de viver sozinho ou sozinha. Se consigo ser verdadeiro até nesse detalhe, eu também consigo ser verdadeiro ( a) com o outro e com os outros. Em qualquer situação, seja fiel a ti mesmo que não abriram margempara erro na sua vida.

Essa reflexão serve para que você possa identificar, de fato os sentimento que te acompanham. O caráter de uma pessoas, ele sempre acrescenta na construção da sua maturidade. Às vezes, a solução para os nossos problemas chama-se ” consciência “. O efeito positivo desta, acaba sempre sendo fascinante. Em geral, você não erra, porque quem age de boa fé, acaba sendo fiel a seus princípios.

“Por onde andar, deixe o melhor de você!”

Pense nisso!

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem : pinterest. Roberta Ferrari.

Santarém , Pá 25 de Maio de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós- graduada em Direito Penal e Processo Penal.

5 comentários em “Seja fiel a ti mesmo e jamais serás falso com ninguém

  1. Republicou isso em Ned Hamson's Second Line View of the Newse comentado:
    Google translation of title and first paragraph: Be true to yourself and you will never be false to anyone

    This is a phrase from William Shakespeare in Hamlet, and it suggests something very interesting to us, which is the fact of being able to be faithful to the values ​​that correspond to who you are. If, by chance, you achieve this feat, you will have no problems with any diagnosis that someone makes about you, because if you know yourself, you respect yourself; once you respect yourself, you will be able to be authentic with the other people with whom you have some kind of bond.

    Curtir

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: