Mulher empoderada

“A mulher pós-moderna é uma mulher que aprendeu a falar, melhor: ‘expressar a sua opinião’, denunciar aquilo que vai de encontro aa suas regras pessoais. Então, pode-se dizer que ela é uma mulher empoderada “.

Marii Freire Pereira

Muito se ouve falar em empoderamento feminino, mas você sabe o que é ? O empoderamento tem uma relação estreita com o despertar, ou seja, é quando essa mulher demonstra de modo genuíno, o aumento de sua consciência em relação a uma série de situações, coisas como força, capacidade. Diz se que, o empoderamento tem relação com a confiança que ela tem em si mesma, ou seja é um ser autônoma. Essa mulher conhece os seus sentimentos e consegue exressá-los. Ela não se comporta como a mulher do passado que era um ‘ser sem voz’. Claro, a gente sabe que esse detalhe não sua culpa. Mas, a medida que a mulher vem conseguindo estreitar as diferenças, bem como, a questão dos próprios desafios, ela se tornou certamente, essa pessoa mais confiante.

Hoje a mulher pós-moderna, consegue por exemplo, assumir uma posição de privilégio. Antes, não era isso que acontecia. O que ocorria era que essa mulher carregava consigo uma característica de humildade, de não saber é, ou mesmo ter capacidade para tomar partido sobre certas decisões. E tudo isso acontecia porque dentre muitas coisas, elas tinham um conhecimento ” limitado”, algo que comprometia a sua capacidade é poder para atuar. A mulher para a sociedade era menos reflexiva. A ela não era dada a mesma capacidade de pensar como os homens. Veja, ‘não é pensar como homem’, é não ter a mesma capacidade de pensar é decidir como ele. Quem tinha poder de decidir, quem assumia posição de privilégio era o homem. O poder de decisão era dado a ele. Muitas tinham a sorte fadadas ao fracasso. A questão atrelada a mulher e a sua capacidade sempre foi negativa, fato. Uma coisa que me incomoda bastante é saber se elas mereciam esse descrédito, essa falta de importância toda para serem ignoradas. Ou de repente, se tudo isso foi só uma estratégia masculina para manter o domínio sobre estas. A verdade é que se trabalha sempre a segunda opção, que é domínio, lógico. Durante séculos a educação foi um mecanismo de defesa negado a mulher, porque não se desejava o seu êxito. Como muitos, por exemplo, vêem até com um certo desprezo a questão as lutas femininas. O homem não deseja admitir, não todos, obviamente. Mas existe uma parcela que resiste com muita força a questão da reivindicação por direitos iguais. Isso tem sido uma briga diária.

O empoderamento da mulher, fez com que ela ganhasse lugar de destaque em diferentes situações. A mulher com autoconhecimento, a mulher que tem respeito por si mesma, ela encontra o caminho perdido para os fatos que tem importância em sua vida.

Se a consciência nos torna humanos, eu avalio que existem traços de imperfeições infinitamente incorrigíveis, porque nada [ re]constrói tudo aquilo que nos foi retirados. O empoderamento da mulher, ele tem relação com esse despertar. ‘Malandragem’ é querer justificar com ” essencia”. Claro, nunca vamos perder a essência porque somos mulheres. Mas, o meu foco aqui, não se tratar de ” cativar” novamente essa mulher dentro do modelo de fragilidade é sim mostrar que ela é um ser capaz.

” O nosso maior tesouro é o conhecimento. Só ele nos aponta um norte. Se existe algo que nos torna humanos é a mente. Esta, quando bem trabalhada consegue produzir excelentes resultados. “

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem : radio93fm.com/br

Santarém, Pá 26 de Abril de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

2 comentários em “Mulher empoderada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: