Às vezes, tudo o que a vida quer é leveza

Às vezes, tudo o que a vida quer é leveza. Leveza da alma, leveza no sorriso, no abraço para preparar o momento seguinte. – O importante é saber que não vamos transformar o mundo com as nossas construções, nossos pensamentos e atitudes. Veja, vamos sim, ser um fragmento daquilo que a longo prazo, vai moldando as coisas materiais, não o mundo. Por isso, procure não sempre, mas vez ou outra, ser mais leve. O único que veio para consertar o mundo foi Jesus Cristo, e não conseguiu, você acha mesmo que terá essa capacidade? Esperança de que ele melhore, sempre se tem, mas, você não será a resposta para isso. Portanto, não se cobre tanto, não se doe tanto também. Antes, procure viver em harmonia com você mesmo (a). “Não podemos trazer o pai de volta pra casa”, podemos no mínimo, buscar sabedoria em seu legado. No mais, o amor divino é o tônico que têm multiplicado a felicidade das pessoas, e para isso é necessário se revestir de bons sentimentos, porque do contrário, se adoece e morre cedo.

O mundo é um leprosário! O que não falta é pessoas doentes, muitas cheias de infecções tanto cutâneas, como internas, misturadas a todo tipo de sujeira, não a sujeira local, aonde vivem, mas do lixo que as outras deixam nelas. As pessoas que administram esse país, principalmente. Eles são doentes, a história é doente. A doença instantânea é letal que conheço é a ganância. A cegueira dos que estão vivendo numa situação desproporcional é algo que atinge a memória. Quem vive lá em cima, omite o valor e o direito dos que acreditam viver bem em suas misérias. Muita afeição, também não é bom, porque uma hora a memória falha, e aí nos perdemos nesse leprosário. Por isso, se preocupe em viver, mas viver com qualidade no pouco que se tem, porque a única coisa no mundo que causa choque, é descobrir que somos contrariados, enganados de toda sorte. Portanto, seja inteiro com você, com o que você acredita. Se não tem estômago e nem caráter para participar das coisas que transformam a vida nos outros em sofrimento, então em volta desse leprosário, tente transmitir carinho, amor e respeito a quem, às vezes só precisa que você olhe nos olhos e diga : ” eu acredito em você “. Isso menina, vá…você consegue!”. Lindo isso, não? Algumas pessoas quando nos veem falando dessa forma acha que somos tolos. Mas, elas acreditam que podem mudar o mundo (…)

Despreocupe-se nem eu, nem você, juntos vamos conseguir isso. Mas podemos melhorar muita coisa. A primeira, começa por nós. A segunda, por aqueles que de alguma form, conseguimos acrescentar. Como disse o grande Guimarães Rosa: ” A vida requer coragem “. Mas, uma coisa eu acrescento: ” Às vezes, a vida precisa de leveza “, pois do contrário, tanta coragem, quando não bem administrada, transforma-se na força que nos sufoca. Precisamos sim, ter atenção diante dos detalhes, porque são deles que a vida consegue ser construída.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: Pinterest. Rebekah

Santarém, Pá 19 de Abril de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

4 comentários em “Às vezes, tudo o que a vida quer é leveza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: