Sonhos

Graças aos sonhos

Nos mantemos vivos

Salvo a existência destes

Atravessamos sem medo

Os atalhos da vida

Por vezes

Afundamos em meio a tantos sentimentos ilusórios

No eco da dor

No sussurro que vira grito.

Mas sem estes

Somos expulsos da nudez de nossa inocência.

Os sonhos são vozes que falam

Que faz com todas as explicações façam sentido.

O sonho é euforia que virá pluma no coração.

Sinto

Vejo

Construo coisas desarrumadas

Escova os dentes

E eles continuam pulsando insistentemente

Neste calado coração.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: Pinterest. Portugal/ hardsandness

Santarém, Pá 19 de março de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

4 comentários em “Sonhos

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: