Se cabe no bolso, cabe no coração

‘Se cabe no bolso, cabe no coração’. será? A princípio, essa frase dá a impressão de que estou falando a respeito de dinheiro, de coisas que se pode vender ou comprar. Não, essa colocação tem uma relação mais profunda, digamos que ela, nos faz ‘ descobrir o que é essencial ‘.

Às vezes, as pessoas buscam acreditar em tanta coisa a respeito daquilo que poderia lhes fazer feliz

[…]

Bem, acredito que quando se busca a idéia de satisfação, de felicidade e amor, não é necessário fazer um alinhamento com o que quer que seja. A busca em si, já é algo que nos conduz A real situação que queremos. No amor por exemplo, quando estou satisfeita, a condição da minha felicidade é o que? É a entrega. É o movimento da outra pessoa que corresponder a idéia dos meus sentimentos. A busca termina quando quando eu encontro as condições necessárias desse amor no outro. A medida que os meus anseios em relação a esse sentimento, torna-se completa, a procura acaba. Eis aí, o significado de completude. Creio que, independentemente do caminho que optamos para sermos felizes, é importante valorizar o pouco que nos acrescenta emoções genuínas. E por isso, digo que não é preciso ter coerência, regras. Nada disso, o que precisa mesmo, são todas essas coisas, de fato, fazer sentido.

Fantasticamente, as pessoas correm atrás daquilo que seja leve, como disse ‘que faça sentido’ em suas vidas para que se sintam completas. Nem tudo precisa ser perfeito, mas tem uma condição: precisa ter um significado maior que é justamente a condição de fazê-las felizes. Nós somos seres temporais. Então nesse pouco tempo que temos, a gente quer viver tudo aquilo que nos complete o estado de inteireza. Queremos coisas que cabem no bolso e no coração ‘. Quando falo bolso, não me refiro a quantidade, mas qualidade. Pode ser algo pequeno. Pode ser um sorriso, um abraço, horas de conversa que você tem com uma pessoa. Pode ser um propósito, uma esperança que você tenha, pequenininha… mas, faz toda diferença. sabe, é algo que deva fazer o seu coração vibrar…de alegria. É, por isso que falo repetidas vezes ‘ cabe no bolso, cabe nas tuas escolhas ‘.

Há ‘ abra as portas’ para o muito. Não, a gente precisa mesmo é de coisas pequenas, sabe, de bons sentimentos, de coisas que potencializem a sensação de prazer, de coisas que tragam satisfação e alegria de estarmos cumprindo o nosso propósito na vida. Grandes coisas, a gente não ‘ arrasta pra onde vai. Isso, se troca, vende, negocia. O importante é guardar com carinho as coisas que acrescentam nosso o prazer, o gozo. Isso sim, é algo que nos transforma.

Opte sempre por aquilo que faz o seu coração vibrar.”

Desenhe, busque a felicidade. Esse é o nosso maior propósito.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: Pinterest. Lightroom Mobile Presets

Santarém, Pá 18 de fevereiro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: