Manuel Bandeira

Quando hoje acordei, ainda fazia escuro

( Embora a manhã já estivesse avançada).

Chovia.

Chovia uma triste chuva de resignação

Como contraste e consome ao calor tempestuoso da noite.

Então me levantei.

Bebi o café que eu mesmo preparei,

Depois me deitei novamente, acendi um cigarro e fiquei pensando…

Humildemente pensando na vida e nas mulheres que amei.

Manuel Bandeira. Poema só para Jaime Ovalle

Idem, p.183) . Literatura brasileira em diálogo com outras literaturas e outras linguagens. William Cereja e Thereza Cochar. Atual. São Paulo, 2013

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: Pinterest. Manuel Bandeira. Revista Prosa Verso e Arte.

Santarém, Pá 15 de fevereiro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

%d blogueiros gostam disto: