Gregório de Matos.

” Maldade, que encaminha à vaidade,

Vaidade, que todo me há vencido;

Vencido quero ver-me, e arrependido,

Arrependido a tanta enormidade.

Arrependido estou de coração,

De coração vos busco, dai-me abraços,

Abraços, que me rendem vossa luz…”

Gregório de Matos ( In: Antologia da poesia barroca brasileira, cit. p. 45). Literatura brasileira: em diálogo com outras leituras e linguagens. William Cereja e Thereza Cochar. Atual. São Paulo, 2013

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: Pinterest. Intellecta Design/ Escultura de Aleijadinho

Santarém, Pá 21 de janeiro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

%d blogueiros gostam disto: