O homem esculpindo a si mesmo no futuro

O homem e a sua eterna construção. Linda imagem, não? Um homem guiado pelos instintos, medos, vontades e espírito […]. Um ser cercado de sensações, paixão, razão trabalhando seus propósitos. Nesse episódio, ele martela a busca pelo novo. O sentimento inquietante, faz com que se imagine a mudança, e ele acredita que consegue vencer, e assim age em busca de um novo momento, de uma nova circunstância.

A vida tem os seus propósitos, e nós vamos lapidando estes, na medida de nossas necessidades.

As pessoas não podem notar, mas a espessura dos nossos pensamentos, faz com que cada um, digo cada ser humano possa lapidar as suas preocupações, seus problemas, interesses… até encontrar a solução, na verdade, a palavra que busco qui, seria ‘ resposta ‘. Conhecendo as nossas razões, gradativamente, vamos vencendo as necessidades.

Cada vez que nos esculpimos, vamos deixando de lado, os abandonos, a solidão. Pois, somos seres gregários. Gostamos de agregar, ficar juntos. Por isso, valorizamos o coletivo. A solidão é uma idéia de ‘ estar por si mesmo’. E quando uma dessas etapas sobrepõe a outra, digo a solidão por exemplo, vamos esculpindo, até conseguir alcançar novamente a idéia do que somos. Se inseguros, procuramos melhorar. Martela aqui, acolá, até finalmente alcançar o equilíbrio.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem.google.Kardecriopreto.com.br/ Escultura de Bobbie Carlylye. SELF.MADE MAN- Reduzida.

Santarém, Pá 16 de janeiro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

Um comentário em “O homem esculpindo a si mesmo no futuro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: