Histórias que servem de inspiração

” Comparar desiguais resulta em injustiças “.

Essa frase é da Juíza Antônia Maria Faleiros. Trouxe para cá, porque quanto mais pudermos construir um país com histórias de gente sofrida e, que conhece na pele as reais necessidades do nosso povo, mais tem-se esperança de alguma fazer com que as pessoas acreditem no trabalho de gente justa. Pessoas que olham para as outras e compreende as suas reais necessidades.

Marii Freire.

A história da Antônia, é o relato autêntico de quem cresceu no meio da pobreza, e que passou por todo tipo de privação, principalmente, material. Ela cresceu em Serra AZUL, Minas Gerais ( zona rural) com os outros irmãos. Mas, como ela mesma afirma, por ter vivido tudo na época em que era criança, não entendia o que era pobreza, privação disso ou daquilo […], sabia que tinha amor e afeto, para a mesma, era o suficiente para mantê-los unidos.

Filha de pais humildades, Antonio trabalhou como doméstica, deu duro para chegar a Magistratura. Mas, um detalhe que chama a atenção na história dela, é que Antônia não “perdeu a essência “. Isso é bonito, porque até no falar ela deixar transparecer que continua sendo o mesmo ser humano revestido de simplicidade e com os mesmos valores.

Tem uma frase dela que gostei bastante, abre aspas ” Comparar desiguais resulta em injustiças “, fecha aspas, Perfeito. Acredito que não precisamos ir muito longe para alcançar esse pensamento. Só pode competir de igual para igual, aquele que tem as mesmas condições de competição que o outro. É inútil querer que os dois obtenham vantagens iguais, quando não tiveram as mesmas oportunidades de preparação. Isso inclusive, me faz lembrar de uma frase do Machado de Assis, diz o seguinte: ” Cada indivíduo nasce com seu destino social mais ou menos determinado pela sua origem “. Antônia, o esforço faz com a gente consiga sair desse ” anonimato da pobreza ” Machado diria do ” Morro”, mas como você diz ” não me coloco como exemplo de meritocracia (…), obviamente, entende-se porque essas lacunas se estendem cada vez mais. Porém, o seu exemplo é inspirador. E o que vale é isso, é dizer que pelo o estudo se consegue estreitar as diferenças, não vencê-las. Mas, dimui-las gradativamente.

Ascensão intelectual. Você, Machado e tantos outros nomes da história tiveram. Se vence isso, no passo a passo. Vamos nos!…

Uma bela trajetória, sucesso!

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: migalhas. uol.com.br

Santarém, Pá 8 de janeiro de 2021.

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: