Nós, construímos os nossos caminhos

Nós, construímos os nossos caminhos. Cada passo dado, representa o quanto amadurecemos em relação às nossas escolhas.

É possível pensar, ” ah, mas a frases é óbvia demais “. Sinto em dizer, para você, não para a maioria. Tem pessoas que são que nem folhas ao vento […]. Mas, o que quero dizer é que só você é a pessoa responsável pelas suas escolhas. Boas ou ruins, você é quem as faz. Por isso nada de justificativa para comparar algo que você foi desatento. Se errou, ótimo. Assuma isso. Uma falta sempre pode ser positiva quando você assume a sua falha. Afinal, errar é humano. E assumir isso não é feio. Feio é ter que usar de desdobramentos para se livrar de um peso ou culpa que carrega.

Entre o passado e o futuro há uma lacuna chamada presente. É ela que ocupamos. O presente é um desafio diário, porque o resultado de um futuro bom, irá depender de suas ações no hoje, digo no momento atual. O futuro, sabemos que vai além da nossa existência e se estende, inclusive. Mas os nossos valores éticos e morais se perpetuam aqui. Portanto, é pertinente discutir as nossas dúvidas, questionamentos, comportamento no hoje. O ontem não conseguimos modificar, e a questão é o amanhã. Será que se eu fizer tudo correto agora, amanhã, eu posso olhar para trás e não sentir culpa pelo o que fiz? Eis a questão. Você pode ser verdadeiro, não justo. Talvez, o maior erro do ser humano seja pensar que aquilo que faz, de fato, seja o suficiente, seja, o correto. Cuidado, nem sempre. Às vezes, o resultado de nossas escolhas só refletem lá na frente. Portanto, fique atento para o que você considera correto.

Sabemos que a vida é cheia de conflitos. Mas uma coisa, eu tenho que ter clareza: eu sou dono das minhas escolhas, ou seja, de tudo o que faço. Das minhas desconfiança, traições, buscas por justificativas e tudo mais. Agora, o que tenho a dizer a você é ” não se deixe-se manipular por aquilo que outra pessoa acrescenta a você. Você tem o direito de conhecer, se sentir fascinada, odiar, viver momentos de dúvida, de querer se afastar. Mas, entenda: é um momento seu. Portanto, terás que enfrentar tudo sozinha ou sozinho, porque ninguém será dono ou dona de suas decisões. As outras pessoas podem até colaborar, mas você é responsável por suas escolhas.

Nós, evoluímos quando pensamos e também a medida que conseguimos criar e cocriar. Veja, o nosso conhecimento expande, a partir do momento que consegue agregar outra forma de conhecimento. Mas, nesse caso, age com a ajuda do coletivo, é uma parceria. Porém, nos temos a capacidade de criar, de ser intuitivos, de fazer sozinhos. E as nossas escolhas têm resultado que são refletidas a partir disso, eu sou um ser humano com responsabilidade por aquilo que respondo e faço.

Não adianta dizer que o outro influencia as suas escolhas, você é quem determina, quem decide o que deve ou não fazer. Evidente que influenciar alguém, dependendo do tipo de conhecimento é bom. Se você avaliar, tem-se grandes pensadores que nos influenciaram com as suas idéias. Todavia, o resultado final de acolhe aquele pensamento, é da pessoa que se identifica com ele.

Nós, somos heróis de nossas decisões, de nossas descobertas, ou seja, de tudo aquilo que conseguiu nos transformar em pessoas que somos hoje.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: Pinterest. Flickr/ feet in the sand

Santarém, Pá 6 de dezembro de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

Um comentário em “Nós, construímos os nossos caminhos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: