Relacionamento abusivo

Você já percebeu que existem casais que dizem que para o amor ser verdadeiro não pode existir segredos? E que para existir confiança mesmo, cada um deve dizer qual é as senhas do próprio celular para o companheiro, marido, namorado ou namorada? Sim, porque neste caso, pode ser uma situação que também envolva duas mulheres.

É difícil manter um relacionamento assim, não? Primeiro, deixa explicar algo pra você , agir dessa maneira, é paranóia. Ora, o outro não é sua propriedade, para que você o diga como agir. Mais ainda, ele ou ela, não perdem os seus direitos por estar com você. A pessoa que você diz amar, continua com todos os direitos intactos do jeito que você conheceu, e que impor as suas vontades, é violar o direito que pertencem a essas pessoas.

Cada um deve ter as suas senhas, até por uma questão de segurança. Todo celular, você sabe que se perder e alguém encontrar, e não tiver senha, a pessoa que tem esse objetivo vai saber de todas as suas informações, porque querendo ou não, grande parte de nossas vidas, ou seja, comportamento, informações pessoais ou mesmo de trabalho, estão armazenados no celular. É como se ele fosse a sua segunda vida, por isso é que normalmente, você leva esse objeto com você, aonde vai. Portanto, é preciso dizer que a senha é importante para que haja a proteção de nossos dados, até mesmo, entre casais isso é necessário. A senha não é um ” green card”, para a sacanagem do outro para com você. Não é caminho para traição. Veja, estamos falando acerca de uma situação onde você não pode violar o direito do outro, mesmo amando. Neste caso, é uma questão de respeito e individualidade.

A questão aqui é que, e se o outro me trair? O que se entende por um relacionamento saudável, é aquela relação onde se observa que a vontade de duas pessoas se encaixam perfeitamente. Agora, se por outro lado, existem pressupostos que são direcionados para uma relação abusiva, é outra história.

A partir do momento que a pessoa começa a querer mandar na vida do outra, tem algo errado. Se um dos parceiros começa a querer bisbilhotar o celular do outro, as redes sociais, fazer comparações bobas, querer saber com quem o outro conversa, colocar aplicativos espiões para ficar ligado nas conversas ( escapadas) do parceiro ou parceira, é porque a coisa não vai bem. Talvez, seja melhor sentar e conversar, do que enlouquecer, você não acha? Isso sem falar que é errado, porque se torna invasão de privacidade. E se você observar, é o seu ego que você tenta satisfazer, não a sua alma com esse tipo de atitude. Entenda uma coisa, não precisamos prender quem quer que seja para ficar conosco. Quem tem que ficar, vai fazer questão de permanecer ao nosso lado.

O maior erro de muitos casais, é ficar forçando uma situação que se observa que não existe amor, carinho e respeito. E agindo assim dessa forma, é só prolongar ainda mais o sofrimento para tentar impedir uma possível separação que se tiver que acontecer não é você agindo assim que irá evitar.

A questão de você colocar a prova a lealdade de uma pessoa, forçando-a inclusive, lhe entregar as senhas do próprio celular para certificar aquilo que você quer saber, que é o fato de existir lealdade, amor e respeito na relação é um erro. Quem quer trair, vai encontrar sempre uma maneira, acredite. A pessoa pode até ceder todas as senhas direitinho para você e trair a sua confiança com a maior naturalidade. Então, reflita bem, antes de tomar esse tipo de atitude, porque se o que você quer é só ter a certificação de uma suposta traição, e ainda assim ficar com a pessoa, é complicado porque você vai sentir que o fracasso é seu. Você irá pensar que em algum momento, falhou nessa relação. E a maioria das separações, não dar-se só pela falha de um, mas dos dois. Assis como a sorte , ela não depende só de uma pessoa. Mas, da vontade de duas pessoas em querer estarem juntas.

Se a sorte deixar de lhe sorrir é hora de recomeçar, mas não com paranóia. Nada de ficar exigindo coisas absurdas do outro. Amor é complemento, não é migalha que você recebe por conta da dedicação, do tempo, do companheiros, amor, sexo e tudo mais. Amor não nos tira nada, se verdadeiro, ele nos torna pessoas muito melhores. Acredite! Muitas vezes, somos nós os únicos capazes de responder as nossas faltas, não o outro.

Pense nisso!..

Um abraço do “VEM comigo” pra você.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem autoral.

Santarém, Pá 23 de novembro de 2020

.

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: