Florbela Espanca

Passam no teu olhar nobres cortejos,

Frotas, pensões ao vento sobranceiros,

Lindos versos de antigos romanceiros,

Céus do Oriente, em brasa, como beijos,

Mares onde não cabem teus desejos;

Passam no teu olhar mundos inteiros,

Todo um povo de heróis e marinheiros,

Lanças nuas em rútilos lampejos;

Passam lendas e sonhos e milagres!

Passam a Índia, a visão do Infante em Sagres,

Em centelhas de crença e de certeza!

E ao sentir-te tão grande, ao ver-te assim,

Amor, julgo trazer dentro de mim

Um pedaço da terra portuguesa!

[ Sem título]

Florbela Espanca. Poesia de Florbela Espanca. Vol.2 Livro de Soror saudade; Charneca em flor; Reliquiae. (Coleção L&PM POCKET). Porto Alegre, 2018

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: Arquivo pessoal

Santarém, Pá 5 de novembro de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: