Etupro é estupro. A sociedade precisa amadurecer essa idéia

Nem precisa fazer uso da expressão: ” sou bacharela em direito ” e desafio qualquer profissional da área revelar o artigo que tipifica o ‘ estupro culposo ‘. Isso é ridículo, porque todos sabem que ele não existe. Não foi com base numa situação inexistente que vimos todo esse episódio pitoresco acontecer.
Por favor!..
Esse tipo de situação, vem alicerçada no modelo de sociedade de outrora. Situações como o machismo, preconceito e discriminação sempre existiram em nossa sociedade. Por séculos alimentamos a idéia de que o errado era o correto. Antigamente, 95% das cabeças pensantes de nossa sociedade achava natural, discriminar o gay, fazer canções ridículas, é ou não é? tratar as mulheres com piadinhas sem graça, coisas como ” vai pilotar fogão ‘, sempre foi assim, estou errada? ” sua essa” ou ” sua aquilo”. A minha posição é melhor do que a sua, viu?! Compreendeu a questão da hierarquia? ” Eu não tenho filhas desse nível?” Você pensa que isso é o que, hein? É ” brincadeirinha!”…’deixe prá la’, releva que passa!..
Eu vejo essa questão como o reflexo de posturas erradas. Foram coisas que acabaram sendo tecidas dentro de uma ignorância e que ora, gerava prazer para alguns. Ora, gerava sofrimento para outros. É uma falta de respeito para com todos, e não só com as mulheres. A análise que devemos fazer em relação ao que aconteceu deve ser minuciosa, porque ela tem que ter esse ‘olhar para traz..’ Isso sim, nos permite enxergar com clareza todos os pressupostos necessários para compreender de fato o que aconteceu. São resquícios de uma sociedade machista e patriarcal, porque são questões que não se trata só da atuação de um profissional. Não estava ali só o advogado, mas um homem agindo como homem, porque o lado reto do profissional foi esquecido, e não foi porque ele teve liberdade de falar o que falou, ou porque deixaram que ele chegasse aquele ponto. você tem que avaliar que não cabe mais nos dias de hoje uma pessoa agir daquela forma. Ele até pode, desde que seja dentro do seu lar. Ali é particular.
Todavia, o que se questiona é o comportamento dele com a Mariana Ferrer. São insultos, colocações que de fato, não podem existir, não só na atuação do advogado, mas qualquer situação parecida. A piada, a ridicularizaçao machuca, melhor, ” viola” o direito de uma pessoa. Por que você acha que hoje se procura corrigir esse tipo de ação em relação a quem é vítima de situações idênticas ao acontecido? Tem pessoas que têm um comportamento diferente? Tem, mas você observar que o que predomina neste caso, na verdade, sãopráticas culturais atrasadas, situações que outrora era tratada com naturalidade. Hoje não mais. Isso é intolerável. A Constituição Federal/ 88, não recepciona nada que seja parecido como que vimos. A idéia de Justiça aplicada ali, não é válida. Portanto, cada artigo, inciso e parágrafo não nasceram por acaso. Por trás de tudo que está escrito, existem histórias de pessoas que tiveram os seus direitos violados. Foram feridas, humilhadas, “sujeitadas…”, como é o caso das mulheres.
Parece ridículo, mas quando você defende o óbvio, quando você defende essa questão de forma clara e precisa, ainda vem uma infeliz, sim vou tratar como ” infeliz ” e acha que você tá falando ” nerda “. Ah!… me poupe! Você pode optar por ser desconhecedora dos seus direitos, eu não!! Se estudou direito e tem uma mentalidade atrasada o problema e seu, e não meu.
São séculos de desrespeitos para com as mulheres, isso não tem preço. Definitivamente, não nos cala.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: google. ConJur

Santarém, Pá 4 de novembro de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

4 comentários em “Etupro é estupro. A sociedade precisa amadurecer essa idéia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: