Cultura: quando falta conhecimento ao povo resta a destruição deste

Eu confesso que fiquei muito triste ao notar essa cena. Na verdade, trata-se da Estátua do Ariano Suassuna que faz parte do Circuito da Poesia e acabou sendo depredada nessa madrugada em Recife. Há uma matéria a respeito desse acontecimento na REVISTAFORUM.COM.BR feita pelo jornalista: Julinho Bittencourt.

O que me fez trazer essa matéria pra cá, foi o fato de perceber o quanto a sociedade tem regredido. O que as pessoas pensam? Será que esse ato feriu somente a escultura? Não, isso é uma tristeza porque macula uma sociedade inteira. Mostra que tipo de povo ela tem. Indivíduos ignorantes, seres incapazes de reconhecer a própria história, a riqueza que se constrói nos hábitos, costumes, conhecimento, que na verdade, equivale expressão máxima de todos nós.

Quando se observa justamente essa corrente contrário, essa postura de negação, é que vemos a própria destruição. Quem vandaliza parte daquilo que é rico para ela mesma, se autodestrói. É um engano pensar diferente. Isso é resquício de um povo sem cultura, sem conhecimento.

O Brasil perde em muitas áreas e o impacto social é grande. Agir dessa forma é ferir a si próprio, é uma imbecilidade sem tamanho. Vergonhoso porque mostra o retrocesso cultural. Existem pessoas que não conseguem discernir o certo do errado, ela imagina que cometeu um simples dano. Todavia, o conceito de Cultura é amplo, há uma herança social que vai sendo levada de geração em geração. Portanto, se você a destrói parte desse conhecimento, volta-se contra si próprio. Você não perde por quebrar uma escultura. A perda é do coletivo. Esse é um modelo de comportamento reprovável, é uma sociedade que demonstra pequenez porque rejeita ela mesma ou parte dos seus!..

Quando você se volta contra o próprio conhecimento ou parte daqueles que o ajudaram nessa construção, na verdade, você está perdendo. Perdendo o respeito, o valor, a identidade daquilo que promove a mudança. Não é porque não é importante para você que para o resto não seja. Simplesmente é. Até porquê sem conhecimento, nos não somos nada. Cultura é a promoção do conhecimento. É só através dele que adquirimos valor.

Se eu quanto indivíduo me respeito, e reconheço o meu valor, assim como, o valor do meu povo, da minha língua, da minha religião, e a forma de como as pessoas se relacionam. Isso significa que estou aberto ao novo, ao perceptível. Quando você respeita a sua cultura, você está reconhecendo o valor da própria história. É o que é a cultura quando você nega a contribuição de Ariano Suassuna? Ariano é um ‘dos’ principais personagens da nossa produção cultural.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem: REVISTAFORUM.COM.BR. Foto reprodução: TV Globo

Santarém, Pá 21 de setembro de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: