VEM comigo!

O cair da tarde

Revela uma delícia íntima

Prazerosa.

A rapidez de um gesto,

Torna aquecido o espetáculo do homem

O sorriso – reflexo de sua gratidão.

A sensação estética da alma!

O prazer é a sua maior liberdade.

Termina o dia,

e o pôr-do-sol já envelhecido,

Ainda lhe proporciona,

uma luz clara, um vento fresco e luminoso,

Antes que este, feche os olhos.

Risco, sempre há!

Não o de olhar para o céu a procura de uma respostas

Mas o olhar para si, com paciência,

Sendo capaz de encontrar razão

Nas suas esquisitices de homem.

O cair da tarde

Sempre reclina sobre nós,

A sua paz suprema.

É como se, durante o dia, ela nos beijasse uma só vez…

Deitando os seus olhos sobre os nossos,

Fazendo-nos descobrir a riqueza que há num vôo livre,

Talvez, o derradeiro refúgio do homem

Num gesto singelo a procura da própria …liberdade.

Marii Freire Pereira

Imagem: Pinterest. Shore Society/ikeart on Twitter

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

%d blogueiros gostam disto: