Guimarães Rosa

” Sou o que não foi, o que vai ficando calado. Sei que agora é tarde, e temo abreviar com a vida, nos rasos do mundo. Mas, então, ao menos, que no artigo da morte, peguem em mim, e me depositem também numa canoinha de nada, nessa água, que não para, de longas beiradas: e, eu, rio abaixo, rio afora, rio adentro – o rio”.

Guimarães Rosa. ” A terceira margem do rio), publicado em ” Primeiras estórias), 1962)

( JGR, A terceira margem do rio. Revistaprosaeversoearte.com)

Marii Freire Pereira

VEM comigo!

Imagem: Marii Freire. Alter do Chão. Pá.

Santarém, Pá 27 de junho de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

2 comentários em “Guimarães Rosa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: