Alberto Caeiro

” Eu não tenho filo: tenho sentidos.. .

Se falo na Natureza não porque saiba o que ela é.

Mas porque a amo, e amo-te a por isso,

Porque quem ama nunca sabe o que ama

Nem porque ama, nem o que é amar…”

” O guardador de Rebanhos”. Poemas de Alberto Caeiro (heterônimo de Fernando Pessoa.

Pensador.com

Marii Freire Pereira

VEM comigo!

Imagem:Instagram. Lisboalive

Santarém, Pá 11 de junho de 2020

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

5 comentários em “Alberto Caeiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: