Torne-se uma versão melhorada de si mesmo

As vezes erramos na vida, no amor, na amizade, nos relacionamentos de maneira geral, por fazer uma idéia contrária daquilo que somos.

Nada como fazer uma leitura correta sobre os nossos defeitos, nossas dependências , carências afetivas, o que é (pior de tudo), é a carência.

Pessoas insegurança emocionalmente vivem o tempo todo fazendo cobranças…”

São escravas de seus vícios, as vezes uma vida inteira. Se aquela que você gosta, não liga, amanheceu e ela não deu ” bom dia”, você fica refém de um aparelho celular, ou se perguntando o porquê de ter sifo ignorada. Se ela liga, já começam as cobranças. Não, procure despertar para a vida, pare de ter esse tipo de atitude. Evidente que é sempre bom receber um carinho de quem se ama. Mas, estragar o seu dia porque não recebeu, não vale a pena.

Primeiro, identifique que essa sua forma de agir não é correta, e não é com o outro, é com você. São atitudes que não preenche vazio agum, porque quando mais você age dessa forma, mais se machuca. É claro que, quando se trata de amor existem umas regras preestabelecidas. Estas, devem ser elaboradas em comum acordo. Mas, você não acha que quem ama procura, sem precisar de cobranças?

Quando a cobrança é maior do que o amor, ela sufoca. Casais que brigam por bobagens costumam por fim nas relações cedo.

É importante que você respeite o espaço um do outro, para que quando aquela pessoa chegue, ela venha por prazer, por vontade e porque sentiu a sua falta. O que estou tentando dizer é que, tenha amor, mas ‘amor próprio’ por si mesmo.

Se você tem esse hábito de agir sempre esperando mais do outro, você precisa mudar essa idéia. Mude, mude mesmo. Não alimente dependência afetiva de ninguém, de amor, de amigo, etc. Até amor de mãe é bom quando vem gratuito.

Procura mudar. Olhar para a sua história desde, o período em que você era criança, porque os nossos maiores problemas afetivos tem origem lá, quando você ainda era uma criança. Então, hoje reconheça as suas fragilidades…

Queira torna-se uma versão melhorada de você mesmo.

Chegue ao ponto de dizer, eu me amo. Amor é assim, e só posso acrescentar na vida do outro [se] tenho. Dedique mais tempo à você. Cuide -se melhor.

O maior erro da gente é ter essa visão errada de quem somos, porque dessa maneira, se comete mais erros ainda.

Goste de você a ponto de exigir msis de si, e nao fo outo. Tenha a coragem de amar a pessoa que você tem se tornado. Não espere que alguém te ame, para se sentir melhor. Amor próprio é isso, é uma relação minha para comigo.

Quando você passa a se amar, olha as duas versões e interpretar aquilo que é verdadeiro, ou seja, você…passa a ter autonomia. Isso é bom, porque assim, se administra a vida melhor

Se ame, se queira bem, se faça feliz. O outro quando chega na nossa vida é para completar.

Imagem particular.

Cliquei em uma praia local!…

Texto: Marii Freire Pereira

Publicado por VEM comigo!

Bacharel em direito, cursando Pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: