Quais os critérios que uma mulher deve ter para ela não ser estuprada?

Não, você não leu errado, é exatamente essa pergunta mesmo:

” Quais os critérios que uma mulher deve ter para ela não ser estuprada?”

A resposta dessa questão, certamente, levará no mínimo, dois segundos no seu cérebro para ser respondida. Primeiro, mulher nenhuma merece ser estuprada. Quanto aos ” critérios ” vamos fazer uma retrospectiva na história, para no final, você leitor, verificar se é possível justificar tamanha barbaridade.

É sabido que os costumes sempre tiveram peso de lei; eles funcionavam como funcionam as nossas leis escritas hoje. Mas, volto-me para o antigamente para explicar melhor essa situação. Em tempos pretéritos, se criava todo tipo de entrave para se conseguir ter total domínio sobre as mulheres. É comum se dizer coisas como: ” Mulher que anda com roupa curta, não é uma mulher de respeito”. Ou situações para limitar a liberdade e restringir os lugares e horários que uma mulher decente deveria andar. Haviam regras rígidas que disciplinava o comportamento feminino, coisas como: ” Andou nas rua após as 22:30 horas, pode ser estuprada”. Isso sempre colocou medo nas mulheres. A verdade é que, em grande parte da história, as mulheres, dentre outras situações, elas foram controladas pelo medo. Caso não respeitassem tais regras, o estupro poderia ser um resultado positivo na vida delas, ou seja, o estupro foi legalizado, porque se você infringisse tal regra, você poderia sofrer uma sanção na época. E hoje, quais são os critérios que levam um homem a praticar esse tipo de crime?

Se formos avaliar, mulheres do mundo inteiro passaram e passam por essa experiência dolorosa. Uma mulher pode ser estuprada dentro de casa, estando ela de roupa curta, longa ou não. Você observou isso? Praticar o crime de estupro em nossa sociedade, apesar de imoral é habitual. Não é a roupa, é a cultura. Uma segunda situação importante que gostaria de acrescentar no que se refere a mulher tambémnesse sentido, é a Importunação Sexual. Veja, uma mulher tem o direito de praticar exercícios em locais públicos, coisas como, praças, parques e outros. Lugares onde todos andem com as suas famílias. Isso é natural e essa mulher não está fazendo nada de errado. Ela assim como, qualquer outra pessoa exercerce o seu direito, ou seja, “o direito de ir e vim”. A liberdade nos é um direito.

A liberdade é um direito absoluto, não é? Sim, ao menos na norma escrita. Somos seres livres. Mas, imagine o exemplo da moça que sai para praticar exercícios ao ar livre, seja a pé, bike ou qualquer outra modalidades. Pois bem, essa mulher vai ali no seu caminho normalmente; um rapaz passa com os amigos e se sente no direito de passa a mão no bumbum dela, ao ar livre, diante de todos. Isso é crime! Ela não estava andando sozinha tarde da noite, você compreende isso? Outro exemplo, transporte público lotado, ônibus, metrô e outros. A mulher vem cansada do trabalho, encontra um lugar e fica ali até o final de seu trajeto. Um homem se aproxima dela e começa a encostar o seu órgão genital nela, acontece? Sim, com muita frequência. A importunação Sexual, é concretizada ali. A mulher não provocou nada. Já o homem, sim. É nesse detalhe que você percebe o erro. A importunação dar-se por uma ação do próprio homem, onde ele falta com respeito a mulher, ou as mulheres, às vezes, o problema ocorre com mais de uma.

No ambiente de trabalho não é diferente. A mulher pode sofrer assédio por parte do patrão. Considere como essas situações acontecem. O nosso senso de realidade ele é imoral. Viver em sociedade é não se desviar dos limites impostos. Porém, mesmo que você obedeça a todos, você nota que a mulher ela sempre sofreu e sofre com esse tipo de situação. Há homens que JUSTIFICAM O ESTUPRO! Dizem coisas como: ” Ah, mas algumas mulheres andam com roupas tão curtas que só faltam mostrar o útero “. O que ele está justificando? Que ela está pedindo para ser estuprada porque usa roupas curtas, compreende o peso cultural que isso tem? Não interessa se ela está mostrando “o útero ou as amígdalas “. O que se discute é que É ILEGAL ESTUPRAR uma mulher.

Quanta falta de compromisso do homem em respeitar uma mulher. Há muitas situações que eles justificam, porém, há outras, que não podem justificar. Veja, um avô, um homem de 70 anos, ele pode estuprar uma criança de seis anos, uma menina que todos os dias, assiste televisão ao seu lado, sentada num sofá. Ele pode a estuprar e dizer: ” Ela me provocou “. Isso é tão absurdo, tão nojento que você não tem como não se horrorizar.

O ser humano, ele é uma pessoa consciente, racional. Portanto, é impossível você defender o contrário. A doença que infecciosa do nosso bom convívio é a falta de respeito. A mulher sempre foi a vítima disso tudo. Não há um critério que faça com que um estupro possa ser justificado. Dentro de casa, com roupa curta ou longa, a mulher sempre foi estuprada. Tanto faz, se ela é uma criança ou uma senhora de idade. Elas sempre passaram por esse tipo de violência.

” Ainda que a mulher mude o seu comportamento na sociedade, a violência sempre irá acontecer, porque o seu resultado independe da ação feminina. “

Para você pensar:

Existem muitos motivos para se justificar o estupro em nossa sociedade, mas não existe um único critério que possar validar essa mulher diante da índole masculina, do compromisso de ser capaz e consciente, e que faça ele respeitar a imagem feminina justamente por ser “um ser racional”. Não é a mulher, é a culpada pelo estupro. É a cultura que a obriga a seguir a gestação da vontade masculina.

Marii Freire Pereira

https://pensamentos.me/ VEM comigo!

Imagem & criação: Marii Freire Pereira

Santarém, Pa 24 de novembro de 2021

Publicado por VEM comigo!

Bacharela em direito, Pós graduada em Direito Penal e Processo Penal.

16 comentários em “Quais os critérios que uma mulher deve ter para ela não ser estuprada?

    1. Sim, muito bem colocado. No caso, esse é o estupro marital. Este sempre aconteceu com o aval da própria legislação. Só depois de séculos de ” acobertar um crime” foi que se percebeu o erro. E aí, como sempre…tardiamente, se procurou se corrigir o situação. Hoje, muitas mulheres ainda não conseguir compreender essa questão. Mas é preciso olhar para ela com cuidado.

      Curtido por 1 pessoa

    1. A questão é, eles são tão covardes que buscam demonstrar essa coisa hedionda através de mulheres que são fisicamente menos fortes que eles, muito bem colocado é ridículo porém algo tão ridículo com consequências alarmantes para com as mulheres, de verdade é revoltante.

      Curtido por 1 pessoa

      1. Verdade Pandora. A única coisa que lamento é que parte dessas mulheres, não dão nenhuma importância ao problema, ou seja, mesmo sendo as mais prejudicadas, algumas evitam até comentar. Assim, a busca pela solução ou pelo menos, para ” amenizar ” o problema não desenvolve.

        Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta para Pandora Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: